um palácio transcendental

as palavras conduzem à inspiração nos meandros de diversões onde a promiscuidade é um atributo de quem se tortura ou de quem reinventa a sua adolescência extraviada pela brutalidade envolvente.

Género: