Uma manhã de sol em São Sebastião do Caí,RS, Brasil.

O menino me faz sorrir.

O velho chora pelo papel branco.A mulher trabalha...

E eu escrevo minhas poesias, por necessidade, por vontade, por prazer.

Os animais, os vegetais e os outros também estão na pauta da verdade.

A terra já sorriu para mim e eu para ela. O sol me aquece e me protejo dele para escrever meus pensamentos.

A cidade ódio também me odeia e usam a tecnologia contra a vida e muitas vezes a favor do mal.

Fumo cigarros legais somente a tarde.

Amo a quase todos e também amo ter algum trocado para dar mais garantia de felicidade e vida.

Género: 
Você votou 'Não gosto'.

Comentários

Este título diz tudo do poema é um dos meus poemas do livro que escrevi, gosto dele.

 

Este título diz tudo do poema é um dos meus poemas do livro que escrevi, gosto dele.